Machine Gun America – Experiência diferente em Orlando

Oi Amores!!!

Nessa última temporada em Orlando eu fui conhecer uma experiência bem diferente da que os turistas costumam fazer na cidade, o Machine Gun América.
Já tinha bastante tempo que eu queria ir conhecer o local mas só nessa viagem, que foi bem mais longa, consegui me organizar para ir até lá.

.

O Machine Gun é como se fosse um clube de tiro/um local pra fazer curso de tiro.
Lá você conhece alguns tipos de armas e, de acordo com o pacote escolhido, treina e faz disparos com elas.

Pra nós, Brasileiros, é uma experiência bastante diferente, já que o porte de armas não é permitido aqui e, por motivos óbvios, não temos esses locais de treinamento como algo comum.
Nos Estados Unidos é algo absolutamente normal.

O Mick por exemplo, que foi quem me recebeu no Machine Gun e explicou tudo sobre as armas, disse que atira desde os 8 anos.
Sim, isso mesmo. 8 anos.
Nas cidades de interior é uma prática comum que todos saibam atirar.

.

Importante: O Machine Gun não compra e não vende armas, assim como também não é permitido levar armas pessoais para o local.
É um local exclusivamente para treinamento/curso de tiro e só é permitido utilizar as armas que são de propriedade deles.

Como é o Machine Gun

Entrando pela porta principal nos deparamos com um espaço bem amplo e, já na recepção, a gente dá de cara com as bonitinhas.

Espalhado pelas paredes, ficam pôsteres de filmes que usaram armas ou munições em seus cartazes de divulgação.

.
.

Nas paredes ficam expostas algumas réplicas de armas.
Sim, réplicas.
Por questões de segurança, nada do que se vê do lado de fora do estande de tiro, é real.

Ainda de dentro da recepção, dá pra ver o estande de tiro, que fica separado do restante por uma parede de vidro.
Por ali é possível ver as outras pessoas participando e já dá pra ter uma ideia de como será a experiência.

O Mick me contou que é bem comum eles receberem grupos em despedida e solteiro ou aniversários.
Eles possuem um local reservado para esse tipo de comemoração e, como é algo comum por lá, acontece bastante.

.
.

Nos fundos da loja tem uma lojinha, onde é possível adquirir produtos e merchandise da empresa.

Quem pode fazer e preços

O Machine Gun tem pacotes a partir de US$99,99 para crianças entre 10 à 12 anos.
Essa experiência se chama CADET e inclui até três tipos de armas não automáticas.


Acima dos 13 anos, os pacotes começam em US$159,99 e os valores vão variando conforme as escolhas.
Somente a partir dos 16 anos, é permitido usar armas totalmente automáticas.

IMPORTANTE: Visitantes menores de 18 anos precisam estar sempre acompanhados de um responsável legal.

Clicando AQUI você vai diretamente para a página do Machine Gun onde estão as informações e preços dos pacotes.

.

Como é a experiência

.

Para começar, você irá escolher um dos pacotes disponíveis.
O pacote inicial começa em US$160, com três armas, e os valores vão variando dependendo das suas escolhas.

.

Depois disso, você receberá os equipamentos de segurança (óculos e abafador) e as instruções.

Todas as instruções são passadas em inglês mas existe uma pasta com a tradução para diversos idiomas, inclusive português.

Próximo passo, escolher um alvo.
Em uma das paredes da recepção, ficam vários quadros mostrando os alvos que podem ser escolhidos por cada cliente.

Achei fofo o do Valentine’s Day (dia dos namorados) mas escolhi o Zumbi militar e o coelho mau.

.

Equipamentos de segurança ok, alvo ok e instruções bem entendidas, vamos para o estande.


Passamos por duas portas antes de entrar na sala onde vamos acertar os alvos.
Primeiro entramos em uma salinha pequena, fecha a porta, depois abre a outra e entramos no estande.

Tudo com a maior segurança possível.

.

Dentro do estande são várias baias e você ficará em uma delas.

O instrutor pendura os alvos escolhidos, manda eles para 8 metros de distância, e aí a “brincadeira” pode começar.

O instrutor fica com você em 100% do tempo, explica exatamente como é o manuseio de cada uma das armas e não sai do seu lado em momento algum.
Vocês vão ver no vídeo logo abaixo, que isso faz toda a diferença (principalmente no recuo da arma) e também para te passar total segurança durante todo o processo.

Minhas armas

Como eu morei no Paraguay por um ano e lá, assim como nos EUA, o porte de arma é liberado e esses locais são comuns, não foi a minha primeira experiência atirando.
Já tinha feito isso algumas vezes mas sempre com armas pequenas e semi-automáticas.

Acontece que eu dessa vez eu não atirei com armas pequenas.
Mick me deu armas de grande porte e totalmente automáticas para testar.


Já adianto aqui que foi sensacional.

.

Fizemos três rounds, cada um com uma arma diferente.

A primeira foi uma M4,  a principal arma de fogo dos Estados Unidos desde 1993.
Ela solta entre 700 e 950 balas por minuto.

.
.

Depois usei a Lil ass kicker, que é uma versão modificada da M4, feita pela própria Machine Gun America.
Ela tem uma munição calibre 5.56mm padrão OTAN.

Essa arma tem um recuo beeeem forte. Dá pra ver no vídeo (logo abaixo) o quanto o instrutor precisa segurar o meu ombro pra que eu consiga manter o alvo na mira.

.

Esse foi o meu alvo depois das duas primeiras rodadas.

Fiquei orgulhosa! 😀

.

Depois pegamos a última arma, uma metralhadora M60.
Essa arma começou a ser usada nos Estados Unidos em 1957 e dispara entre 500-650 tiros por minuto.
Ela ficou “famosa” durante a guerra do Vietnã e também por ser usada nos filmes do Rambo.

O recuo dessa arma também é muito forte (vejam no vídeo) e fica um pouco mais difícil de mirar assim de primeira, mas até que meu alvo ficou bom, com uma pequena margem de erro.

Antes da última rodada tiramos umas fotos e tá aí uma que eu pensei que nunca tiraria na vida mas que vou guardar com carinho porque foi uma manhã bem diferente na minha vida.

Fiz um vídeo com as minhas três séries de tiro e também as instruções de uso.
É tudo bem simples, mesmo pra quem não domina o idioma.
Segue abaixo.

.
.
.

Eu fiquei dentro da Machine Gun por volta de 1h. Tempo entre chegar, conversar com o Mick, entender sobre o local, fazer as fotos e depois ir para o estande.
Dentro do estande, durou pouco mais de 10 minutos.
Como minhas armas eram automáticas, as séries de tiro eram bem rápidas (pouco mais de 1 minuto).

.
.
.

Para mais informações entrem no site do Machine Gun América clicando aqui.

.
.
.

Conforme eu disse no início do post, todas as armas que estão expostas na recepção são falsas, somente réplicas usadas para decoração.
Eu pude entrar na sala onde as armas reais ficam e a minha sensação é meio indescritível.
Pra mim foi uma mistura de “ual, que incrível” com um pouco de “ai meu Deus, quanta ama”, rs.

Por mais que pra mim não fosse uma experiência tão nova, nunca tinha visto pessoalmente armas tão grandes e nem em tanta quantidade.

.
.

E pra quem gosta do tema e se apaixonou pela experiência, pode comprar também alguns souveniers na saída.

.
.

Quem me recebeu no Machine Gun America foi o Mick, que foi super simpático e me explicou bastante sobre as armas. Não só no dia da visita como também no whatsapp enquanto escrevo esse post para que eu pudesse passar as informações bem completas pra vocês.

Conclusão

Conforme contei lá em cima, não foi a minha primeira experiência atirando mas foi a primeira com armas tão grandes e totalmente automáticas.

Foi uma experiência surpreendente e incrivelmente excepcional. Minha vontade era de ficar lá a tarde inteira treinando nos alvos.

Simplesmente sensacional e eu recomendo DEMAIS!

.
.
.

O Machine Gun América fica em Kissimmee, no endereço 5825 W Irlo Bronson Memorial Hwy.
É bem fácil idenficiar essa “caixa” enorme azul e vermelha e também o letreiro que fica logo em frente.

É possível agendar e fazer o pagamento direto pelo site mas não é necessário.
Caso queira mais explicações e ainda esteja em dúvida, pode ir diretamente a loja e contratar o seu pacote lá.

..
.

Agradecemos ao Machine Gun America pela cortesia.

E aí, gostou da dica?

Não esqueça de curtir nossa Fanpage, seguir no Instagram e de se inscrever no nosso canal do YouTube.

  • Nós vendemos ingressos para os parques, atrações e shows com preços super competitivos e desconto para pagamento à vista. Não compre seu ingresso sem cotar conosco antes pelo falecom@planejeorlando.com.br ou pelo planejeorlando@gmail.com.
  • Vai viajar e precisa de moeda estrangeira? Fale com o nosso parceiro e ganhe desconto na compra sendo seguidor do Planeje Orlando.
  • Quer ficar conectado durante toda a sua viagem? Nós vendemos chip internacional pra você não ficar 24h online.
  • Você sabe que o item mais importante da sua viagem é o Seguro, né?!  Antes de fechar, cote com o nosso parceiro. Eles têm sempre os melhores valores. É só clicar aqui e fazer a sua cotação.
  • Conheça o nosso serviço de Roteiro Personalizado, que planeja passo a passo a sua viagem. Solicite o seu orçamento pelo falecom@planejeorlando.com.br

Beijú, Tchaú.

Leave a Reply

Your email address will not be published.